PLANTANDO DÁ, SIM

RECICLAR É PRECISO

RECICLAR É PRECISO
RECICLAR É PRECISO. O MAIS, SERÁ PRECISO? Viver com alegria é viver em paz e harmonia. É olhar com a alma, observar com o coração, agir em conformidade com a natureza. Somos tanto mais necessários quanto mais úteis, em equilíbrio com o todo. Somos um; você sou eu e tudo o que o afeta, afeta a mim, também.

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

VAMOS LÁ! CLIQUE PARA SEGUIR!

quarta-feira, 19 de julho de 2017

A ROUPA É LINDA NA VITRINE. E NO CORPO? Você sabe comprar roupas?


Comprar roupas e calçados pela internet
Meninas crescendo, já adolescentes, precisam de roupas novas. Sempre precisam. No cabide, peças lindas: calças, vestidos, blusas, saias... - Eu quero este e esta e... - Na-na-ni-na-não! - Você primeiro...

Meninas crescendo, já adolescentes, precisam de roupas novas. Sempre precisam. No cabide, peças lindas: calças, vestidos, blusas, saias...
- Eu quero este e esta e...
- Na-na-ni-na-não!
- Você primeiro escolhe, prova e aí a gente vê. Separe tudo o que gostar, mesmo os "mais ou menos".
- Na volta do provador, comento:
- Não! - A irmã, que já havia passado pela provação, faz coro. 
- É lindo!
Olhe no espelho. Não em você. Talvez não agora. Aqui. E aqui. Olhe lá.
- Mas...
- Sem "mais" nem meio "mais". Esse não. Tem um monte. Vá provar outro.
Espero um pouco, mais um vestido. 
- Este também não está legal; olhe aqui. Não ficou nada bem. Seja sincera.
A volta ao provador é acompanhada por um bico enorme. Ela volta, o andar duro de quem foi contrariada.


GOSTOU? COMPARTILHE.

- É perfeito! Não concorda? Veja como está linda! Qual mais? Vá provar.
Assim foram calças que modelaram o corpo ou acabaram com ele; vestidos lindos que não podiam fazer nada pela "modelo" e outros, também lindos, que fizeram toda a diferença.
O vestido pode ser lindo na foto, no cabide, mas no corpo pode salientar o que se deseja esconder e velar o que se quer mostrar. As calças podem levantar o "derrière" ou achatá-lo. Um decote (ou recorte) tem o poder de fazer seios grandes parecerem enormes ou "desaparecerem" os pequenos. 
Aquilo que parecia sensual pode resultar vulgar e o que era sem sal se revelar uma bela surpresa.
A roupa (ou o corte de cabelos) que fica linda na vizinha ou na atriz de cinema pode não ficar tão bem assim em você. 
Escolher a roupa errada (e usá-la) equivale a comprar sombra marrom e acentuar as olheiras. 
Porque cada pessoa tem características únicas, fica melhor com a cintura em determinada altura, marcada ou não, e por aí vai. Ainda que seja um excelente "cabide", uma cor específica pode apagar sua imagem. Então é melhor não insistir.
O melhor conselheiro é sempre o espelho. Se a roupa não transformar sua imagem para melhor, não é para você. Veja se o seu corpo ficou mais bonito, se seu rosto parece saudável. Com o amarelo, por exemplo, fico horrível. É colocar uma blusa dessa cor para que me perguntem se estou doente.
E não é o caso de provar somente a calça, por exemplo, ou só a blusa. Combine, examine-se em frente ao espelho. Ele vai dizer se você parece mais alta ou mais baixa, mais magra ou mais gorda, se sua barriguinha (ou os pneus) secou ou ficou mais saliente.


SEJA LEAL. NÃO COPIE, COMPARTILHE.

O tempo (e as cores diferentes das tinturas para cabelos, além dos diferentes cortes) fazem mágicas e transformam o que você é agora. Assim, aquela peça que você comprou no Natal passado pode não ficar tão deslumbrante daí a dois anos.
Quanto aos sapatos e sandálias, responda: você pede alguns pares na loja, prova, caminha em frente ao espelho, para verificar o efeito e sentir se são confortáveis? 
Eu sou assim e jamais pensaria em comprar calçados pela internet, a não ser tênis e chinelos, por exemplo. Porque cada pé tem suas particularidades e o que falta ou sobra pode significar bolhas ou calos doloridos. 
Portanto, ainda que compre pela internet, prove, examine-se; se o caso, devolva, sem culpa. As compras por catálogo ou pela internet podem ser desfeitas, sem explicações, no prazo de sete dias (*). Claro que você não pode usar a roupa ou os sapatos e devolvê-los depois. Seria usar de má-fé, o que a lei recrimina. 
Roupa boa (e também calçados) é só aquela que faz você mais feliz. E linda!


DEIXE SEU COMENTÁRIO. SEMPRE É POSSÍVEL MELHORAR


(*) Código de Defesa do Consumidor, Art. 49. O consumidor pode desistir do contrato, no prazo de 7 dias a contar de sua assinatura ou do ato de recebimento do produto ou serviço, sempre que a contratação de fornecimento de produtos e serviços ocorrer fora do estabelecimento comercial, especialmente por telefone ou a domicílio.
Parágrafo único. Se o consumidor exercitar o direito de arrependimento previsto neste artigo, os valores eventualmente pagos, a qualquer título, durante o prazo de reflexão, serão devolvidos, de imediato, monetariamente atualizados.
Pude ser útil?
Se sim, visite, compartilhe os blogs e acompanhe as publicações.
Se não, estou à disposição para esclarecer qualquer dúvida. Basta escrever, ok?
Um abraço, obrigada pela visita e fique à vontade.

 Obrigada pela visita!

QUER RECEBER DICAS? SIGA O BLOG. 

SEJA LEAL. NÃO COPIE, COMPARTILHE.
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Respeite o direito autoral.
Gostou? Clique, visite os blogs, comente. É só acessar:

CHAPÉU DE PRAIA

MEU QUADRADO

"CAUSOS": COLEGAS, AMIGOS, PROFESSORES

GRAMÁTICA E QUESTÕES VERNÁCULAS
PRODUÇÃO JURÍDICA
JUIZADO ESPECIAL CÍVEL (O JUIZADO DE PEQUENAS CAUSAS)

e os mais, na coluna ao lado. Esteja à vontade para perguntar, comentar ou criticar.
Um abraço!
Thanks for the comment. Feel free to comment, ask questions or criticize. A great day and a great week! 
Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

The dress can be beautiful in the photo, on the hanger, but in the body can highlight what you want to hide and watch what you want to show. The pants can lift the "derrière" or flatten it. A cleavage has the power to make big breasts look huge and "small" ones disappear. The clothes (or the haircut) that looks beautiful in the neighbor or the actress of cinema may not look so good on you.
El vestido puede ser hermoso en la foto, en la percha, pero en el cuerpo puede resaltar lo que se desea ocultar y velar lo que se quiere mostrar. Los pantalones pueden levantar el "derrière" o aplanarlo. Un escote (o recorte) tiene el poder de hacer senos grandes parecen enormes y "desaparecer" a los pequeños. La ropa (o el corte de pelo) que se ve linda en la vecina o en la actriz de cine puede no quedar tan bien en ti.
Postar um comentário

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.
Ser feliz é uma opção e você é livre para viver a vida. Escolha seu sonho. Vale a pena.

QUEM SOU EU

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

ARQUIVO DO BLOG